Publicado por: baptistasdecantanhede | 4 de Fevereiro de 2012

BOLETIM OUTUBRO 2011

CARTA À IGREJA DE PÉRGAMO
Apocalipse 2.12-17

Ruínas da Igreja de Pérgamo

A Igreja em Pérgamo vive uma realidade muito diferente de Éfeso e Esmirna. Ela procurou descanso neste mundo, onde está o trono do príncipe e deus deste século. A Igreja não era perseguida, como Esmirna, tinha liberdade mas estava profundamente ligada ao mundo e aos seus prazeres. A Igreja deixou-se seduzir pelo fascínio e em vez de ser chamada para o mundo, chamou o mundo para dentro de si, com todas as consequên-cias. A verdadeira doutrina foi substituída pelo “acho que é melhor” ou para agradar a gregos e troianos e encheu-se de dogmas que tinham mais valor do que as Verdades espirituais.

Nesta igreja vamos encontrar a doutrina de Balaão que consistia em confundir assuntos espirituais e morais com interesses materiais. Nesta Igreja floresceu o “nicolaitismo” O paganismo e a política tinham formado uma aliança profunda, e havia muitas pressões para que os cristãos aceitassem uma situação de transigência religiosa.

Tendo em conta o que captamos das cartas às Igrejas em Éfeso e Esmirna e também a Pergamo e deixar que a Palavra de Deus corte (exorte, console e edifique) tanto quem ouve quanto quem prega. Devemos viver a Palavra na prática, como cristãos autênticos e não só de boca. Quando nos cortamos com a Palavra de Deus, fica visível.

Nota-se que algo nos aconteceu, pois o mal foi cortado e lançado fora: o vício, as drogas, as velhas manias, os adultérios, a prostituição, o coração rancoroso, o enganar e ludibriar é posto de lado, dando lugar às boas obras.

Perante o exposto nas cartas às Igrejas e em especial no verso 12, não nos podemos esquecer que DEUS SABE. Deus sabe todas as coisas. Deus é Onisciente (sabe tudo), Onipotente (tem todo poder), Onipresente (está em todos os lugares). Esquecemo-nos, com muita facilidade dos atributos de Deus e do seu poderio e tentamos esconder as coisas do Senhor. São pessoas que enganam os companheiros com a sua falsa conversa, que escondem os factos dos irmãos, mentem aos seus pastores e enganam a quase todos com a sua pseudobondade. O Senhor declara à sua Igreja: “EU SEI”. O Espírito Santo sabe tudo: o que nós fazemos, o que nós escondemos, onde andamos, onde realmente está o nosso coração. Ele sabe tudo. O melhor que temos a fazer é não nos tentarmos enganar, sendo sinceros.

Antipas defendeu a sua fé com sua própria vida. Também nós devemos cultivar uma fé firme, devemos começar a colocar a nossa fé em nossas ações. Quando o tempo da perseguição chegar, os santos e servos de Deus devem confiar no Espírito Santo, devem confiar em Deus e abraçar com vontade a vontade de Deus, para que possamos glorificar a Deus e receber o Novo Céu e a Nova Terra.

Vimos que o diabo não conseguiu enfraquecer a Igreja em Esmirna pela perseguição e sofrimento (V.10), mas em Pérgamo ele procurou fazê-lo pela corrupção da fé, adulterando a Palavra de Deus e semeando falsas doutrinas.

A Igreja descurou a disciplina e a sã doutrina e o inimigo entrou e entronizou-se no meio do povo de Deus. O Senhor Jesus disse que satanás habitava ali e pelo contexto não parece referir-se à cidade de Pérgamo simplesmente, mas a própria Igreja. Temos que estar sempre alertas a toda novidade doutrinária e preparados para enfrentá-las.

Voltemos à pureza da Palavra de Deus, para não cairmos no erro desta Igreja e não termos que conviver com satanás entronizado em nosso meio. Não pode-mos permitir que práticas e procedimento contrários à sã doutrina nos levem a perder a pureza e santidade, requerida por Deus, ao Seu povo. Somos um povo separado para o Senhor e não podemos agradar, ao mesmo tempo,ao mundo e seus prazeres e a Deus.

Dentro da Igreja de Pérgamo, havia elementos que cumpriam certos deveres espirituais, com o objetivo de riqueza material. Queriam estar dentro da Igreja e ao mesmo tempo usufruir do lucro das práticas religiosas cristãs ou pagãs, não importando a fonte de onde vinham os lucros, contanto que eles de fato viessem. Sejamos como Esmirna pobre, materialmente, mas ricos espiritualmente, sabendo que o Senhor cuida de nós em todo o tempo.

CURIOSIDADES ACERCA DESTA CARTA

1. Apocalipse é o único livro do Novo Testamento que cita a cidade ou a igreja em Pérgamo. Com a ajuda dos romanos, Pérgamo ganhou independência dos selêucidas em 190 a.C., e passou a fazer parte do império romano a partir de 133 a.C. Durante mais de 200 anos, foi a capital da província romana da Ásia. Teve a maior biblioteca fora de Alexandria, no Egito. Foi o povo de Pérgamo que primeiro usou peles de animais para fazer pergaminho, que substituiu o papiro, usado na confecção dos livros.

2. O versículo 13 diz: “Conheço o lugar em que habitas, onde está o trono de Satanás, e que conservas o meu nome e não negaste a minha fé, ainda nos dias de Antipas, minha testemunha, meu fiel, o qual foi morto entre vós, onde Satanás habita”.

Os cristãos em Pérgamo eram vizinhos do diabo! Jesus, sempre vigiando para ajudar o seu povo, sabia muito bem da circunstância difícil naquela cidade. Desde 29 a.C., foi o local de um templo dedicado a Roma e a Augusto (idolatria oficial do governo romano). Mais tarde, foram construídos outros templos para a honra dos imperadores Trajano e Severo.

Além desses templos para o culto imperial, o povo de Pérgamo adorava outros “deuses”, tais como Zeus, Atena, Dionísio e Asclépio. Encontramos em Pérgamo uma mistura dos poderes do mal – religiões falsas e o poder oficial do governo romano. Enquanto seus vizinhos sacrificavam aos demônios (veja 1 Coríntios 10:19-20), os discípulos de Cristo reco-nheciam o único Deus como Senhor.

3. O versículo 13 fala de uma pedra branca branca com um nome novo escrito: Um nome novo, freqüentemente sugeria uma nova direção na vida, especialmente de uma pessoa abençoada por Deus (exemplos: Abrão – Abraão; Sarai – Sara; Jacó – Israel). Em Isaías 62:2-4, Desamparada e Desolada rece-bem nomes novos: Minha-Delícia e Desposada, mostrando a bênção de estar com Deus.

A pedra branca pode incluir vários significados, conforme os costumes da época. Pedras brancas foram usadas para indicar a inocência de pessoas acusadas de cri-mes; Jesus inocenta os seus seguidores fiéis. Pedras brancas foram dadas a escravos libertados para mostrar sua cidadania; os fiéis não são mais escravos do pecado, pois se tornaram cidadãos da pátria celestial (Filipenses 3:20). Elas fo-ram usadas pelos romanos como um tipo de ingresso para alguns eventos; Jesus permite os fiéis a entrarem na presença dele para o seu banquete (veja 19:6-9). Também foram dadas aos vencedores de corridas e aos vitoriosos em batalha. Os fiéis são vencedores que receberão o prêmio (2 Timóteo 4:7-8).

CONTINUEMOS A ORAR POR…

SANTIDADE para a Igreja a fim de que ela possa ser uma luz que brilhe bem alto na cidade de Cantanhede;

MINHA ESPERANÇA PORTUGAL, pelos lares das famílias que abrirão as suas portas aos seus amigos;

PELOS MEMBROS da Igreja para que, en-frentando a crise económica e social, se-jam colunas fortes e dependentes do Es-pírito Santo;

Pelos DESEMPREGADOS e DOENTES da nossa igreja, para que sejam cheios do Espírito Santo e tenham a visão de que Deus cuida deles em todo e qualquer mo-mento da vida.

Pela FIDELIDADE À EBD e ao Culto de Louvor. Que o Espírito Santo leve cada um a entender que temos um encontro marcado com o Deus Santo, criador e sustentador de todas as coisas.

ACONTECEU!

REUNIÃO DE SENHORAS

A II Reunião Convívio das Senhoras da nossa igreja aconteceu no dia 24/09. O encontro deu-se no Canto de Calvão, na casa da família Kedoshim.

CORAL INTER IGREJAS

No dia 25/09 aconteceu a apresentação do Coral Inter Igrejas Rota do Sol no Centro Social de Cantanhede.

CORAL BÊNÇÃO

Nos dias 1 e 2 de Outubro, fomos brindados com a magnifíca apresentação do Coro Bênção de Lisboa.


.

Para fazer o download do boletim em PDF clique no link abaixo

Baixar o Boletim de Outubro de 2011


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: